19 julho 2012

Do que fui serei







Minha velhice tem mania de juventude
e como todas as manias tem efeito inútil
Fui me olvidando de memórias:
Segredos que as pedras da rua contavam
(as pedras tinham pensamentos)
bem me importava com o que sentiam
porque tudo tinha vida,
e fazia todo o sentido;

Mal sabia que a sabedoria estava no passado
falta do que fazer ou vontade de fugir de mim
raspei as sobrancelhas. Foi quando
soube a importância delas.
Outras vezes quis partir,
fiz uma parceria silenciosa
com Deus para concretizar a sublime
sensação de estar em seu colo,
bem como havia sonhado;

Mas Ele nunca me levou ainda...
Então desafiava o mal, com a faca na barriga
uma dramaticidade enraizada na inocência!
Minha idade nunca foi de fato, a mesma
a juventude tem cadência de velhice
catedráticos vinte e cinco anos em
busca de aventura e sossego
ainda me desassossego por paixões,
só me sinto presa quando a loucura
esquece de me permitir sua presença
me escondo em livros para embalsamar
a nostalgia do que fui (é saber como serei)

A solidão é uma escolha de mil companhias.



Um comentário:

  1. Gostei muito mesmo dessa Shauzinha.. =}

    Ass: Biuu

    ResponderExcluir